terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Game change

Quando se pensava que a campanha presidencial já tinha sido dissecada e esmiuçada ao máximo e que o livro The Audacity to Win, da autoria do director de campanha de Obama, David Plouffe, tinha representado o ponto final neste assunto, eis que surge uma nova publicação sobre este tema. Game Change é o nome da obra; Mark Halperin, jornalista da Time, e John Heilemann, da New York Magazine, são os seus autores.
O lançamento desta obra veio provocar um autêntico furacão na política americana, já que o livro, em vez de ser apenas mais do mesmo, está recheado de declarações exclusivas e bombásticas. As polémicas são mais que muitas e estendem-se a várias personalidades de ambos os partidos. Desde a má relação entre Barack Obama e Joe Biden, até ao novo caso extra-conjugal de Bill Clinton, durante as primárias Democratas, passando pela insuficiente investigação de Sarah Palin, por parte da campanha de McCain (os autores revelam mesmo que Palin não sabia que existem duas Coreias e que pensava que Saddam estava por detrás do 11 de Setembro), há revelações para todos os gostos.

Esta publicação traz novos dados sobre a campanha mais mediatizada e seguida na história da política mundial. E, visto que os seus autores são jornalistas conceituados e experientes nos meandros políticos de Washington D.C., pode esperar-se alguma fiabilidade e credibilidade deste livro e dos factos nele constantes. Eu já encomendei uma cópia no amazon. Espero que valha a pena...

Sem comentários:

Publicar um comentário