sexta-feira, 25 de março de 2011

O mundo gosta de Obama

Apesar de, desde a sua eleição como Presidente dos Estados Unidos, ter perdido alguma popularidade entre os norte-americanos, Barack Obama continua em alta no resto do mundo. Segundo uma sondagem da Gallup, o primeiro afro-americano a chegar à Casa Branca é o líder mundial visto de forma mais favorável pelos cidadãos de mais de cem países, conseguindo uma larga vantagem para os seus mais directos perseguidores, Angela Merkel e Nicola Sarkozy. Mais flagrante ainda é a discrepância relativamente ao seu antecessor, George W. Bush, que, no seu último ano à frente dos destinos da América, 2008, ficava apenas à frente do chefe de Estado chinês. 
Para estes resultados, muito deve ter contribuído a postura adoptada por Obama, desde que chegou à Sala Oval, no que diz respeito às relações externas. Em ruptura com os anos Bush, a nova administração tem procurado incrementar uma política de abertura e diálogo, em detrimento de medidas de cariz unilateral. Fica, assim, por demais evidente que Obama tem conseguido cumprir uma das suas promessas eleitorais: a melhoria da imagem do seu país no mundo. Infelizmente para si, são apenas os cidadãos americanos que votam nas eleições dos Estados Unidos.

Sem comentários:

Publicar um comentário