terça-feira, 8 de novembro de 2016

Guia para a noite eleitoral

Devido à diferença horária entre Portugal e os Estados Unidos, quem quiser seguir a evolução dos resultados das eleições de hoje terá de fazer uma noitada que se prolongará pela madrugada e manhã do dia 9. Contudo, serão certamente muitos os portugueses a acompanhar atentamente os acontecimentos. Assim, e de forma a ajudar estes political junkies que, como eu, ficarão acordados até muito tarde, deixo aqui o horário de fecho, segundo a hora de Lisboa, das urnas em cada Estado (a bold, os Estados competitivos e que decidirão a eleição):

23:00: A maior parte do Indiana, metade do Kentucky;

24:00: A maioria da Florida; Georgia, o resto do Indiana, a outra metade do Kentucky, New Hampshire, South Carolina, Vermont, Virgínia;


00:30: North Carolina, Ohio, West Virginia

01:00: Alabama, Connecticut, Delaware, DC, o resto da Florida, Illinois, Kansas, Maine, Maryland, Massachusetts, a maior parte do Michigan, Mississippi, Missouri, New Jersey, a maior parte do North Dakota, Oklahoma, Pennsylvania, Rhode Island, metade do South Dakota, Tennessee, a maior parte do Texas;

01:30: Arkansas

02:00: New York, Minnesota, a outra metade do South Dakota, Nebraska, no resto do North Dakota, o resto do Michigan, Colorado, Louisiana, New Mexico, o resto do Texas, Arizona, Wisconsin, Wyoming;

03:00: Iowa, a maior parte do Idaho, Utah, Nevada, Montana;

04:00: California, o resto do Idaho, Oregon, Washington; Hawaii;

05:00: A maior parte do Alaska;

06:00: as ilhas ocidentais do Alaska.

Ou seja, se a eleição ficar dependente do Alaska, só saberemos o vencedor amanhã de manhã - e isto se não tivermos recontagens decisivas, como aconteceu em 2000. Contudo, esse cenário e é improvável e deveremos conhecer o vencedor até às 3/4 da manhã de Portugal, ou até antes se as contagens dos votos na Florida forem rápidas e for Hillary Clinton a triunfar no sunshine state. 

Sem comentários:

Publicar um comentário